quinta-feira, 4 de setembro de 2008

São José Operária

Joca Faria


Tó aqui bem vivo saindo do estúdio a atriz Beatriz Galvão salvou a minha obra poética, que voz tem esta Bia Galvão tó propondo a ela montar um monologo...o cd já foi para masterização com Lauro Flessat o técnico Wilson Rafael fica triste ao ver sua gravação sair mas é para o bem da arte da voz de Bia...quero mostrar a todo mundo deste planeta Gaia...
Vou montar este monologo com os poemas do cd...Como cheguei a tão grande experiência só me resta agora avançar...um longa ...um monologo...livros tudo num único ano?
Que coisa o que é viver e aprender. Nunca devemos usar salto altos só umas provacaçoezinhas numas listas de políticos...Hoje fui chingado por uma mulher dentro de um automóvel...é esta minha mania de andar no transito como se fosse paulistano...sem nenhum medo...é tão gostoso ter um pouco de rotina....ouço a poesia de Franklin Maciel tão doce quanto o mel...um discípulo de Walt Witmam....A Bia vai fazer uma serie de saraus nesta inculta São José Operária todas as terças-feiras cada semana em um bar diferente que produtora ....quem sabe um dia São José das Artes o Ricardo Faria defende que seja uma cidade voltada para turismo de negocio trazer 50 mil pessoas por dia. Sabem que ele está corretíssimo...turismo não gera poluição...por tanto quem sabe monto um café-livraria com atividades culturais...
Ontem no melhor estilo de um ex membro da Irmandade Neo Filosófica peguei no pé de dois poetas da nova geração...chamaram-me de capitalista e fascista...Que coisa to numa briga com o Luciano Scarpa agora estudante de letras na USP é que ele está com excesso de autoestima que no popular é prepotência...
Num é que o arrogante do Scarpa ta chamando o povo de nossa província de caipiras...Com coisa que achamos ruim ser Caipira eo Wangi Alves ta se revelando um grande caboclo...como se aprende a cantar naquele dialeto caipira ? O Zé da Viola é um grande talento...Eu quero uma viola...vou aprender a tocar viola...na rede....
Ta tudo rolando só falta aprender a ganhar dinheiro....e o tiú Raul e o titiu Paulo me falaram que iam nos ensinar a ganhar dinheiro ...viva ...viva...a sociedade alternativa...sabiam que era um golpe publicitário destes poetas da canção nacional...mas tudo bem...e ainda bem que Toninho Buda não estourou a cabeça do Cristo Redentor...tudo bem quis soltar foguete em 11 de Setembro quase virei terrorista....prefiro ser poeta....um beijo a toda humanidade...Diógenes segue com sua laterna...

João Carlos Faria

Gaia

Literatura, filosofia e arte...

www.mundogaia.com.br

Um comentário:

Bê Galvão disse...

Muito obrigada, Joca!

Foi minha estréia num estúdio. Nunca vou esquecer.

Desse jeito vou acreditar que também devo... quem sabe não agendo uma data com o Wilson também?!

Abraços e sucesso